De onde vem a nossa água?

No mês de março é comemorado o Dia Mundial da Água. Essa data foi criada com o objetivo de alertar todo o mundo sobre a importância da preservação da água para a sobrevivência de todos os ecossistemas do planeta. 🌎💙

Só aqui no AquaRio temos aproximadamente 4,5 milhões de litros d’água nos recintos do circuito. É muita água, né?! E para manter tudo isso funcionando é preciso muito trabalho, desde a captação da água até a chegada da mesma aos recintos. Quer saber como trazemos a água do mar para cá?! Continue arrastando! 👆🏽

Confira as etapas

A água é coletada em alto mar na região de Itaipuaçu, em Niterói-RJ, e vem diretamente de balsa para o porto, quando é realizado o primeiro processo de checagem da qualidade da água em nosso laboratório. 🔬

Depois disso, é diretamente transferida para nosso sistema de tubulação, até chegar no subsolo do AquaRio, quando é feito o segundo teste de qualidade da água.

Gabriela Vergara, encarregada de laboratório, explica que esse teste é realizado todos os dias para saberem se a água que chega aqui está boa para uso ou não. Ela também diz “Alguns testes específicos são feitos em cada balsa, antes da água chegar ao AquaRio, assim podemos saber a qualidade antes mesmo da chegada ao subsolo.”

Ao chegar ao AquaRio, ela fica por pelo menos 48hrs sendo filtrada e ionizada, depois é liberada para alimentar nossos recintos. “Durante todo o processo, nosso laboratório faz o acompanhamento para termos a certeza que a água está apta para a liberação”, completa Gabriela.

Veja a imagem com o processo que a Gabi explicou:

Porque trocamos a água do AquaRio?!

“É porque a água tem alguns compostos que são acumulativos, oriundos de fezes e urina dos animais. Esses compostos, a longo prazo, são tóxicos. Por exemplo, o nitrato que está presentes no fim do ciclo do nitrogênio. Para esse nitrato sair da água, é preciso trocar a água”, diz Gabriela.

E aí, ficou curioso de como cabe tanta água por aqui?! #VemProAquaRio